Extraordinário é simples

Foto
Final de semana passado fui assistir ao filme Extraordinário. Infelizmente não li ao livro, mas conhecendo o enredo, sabia que o longa me arrancaria lágrimas. Não deu outra, me emocionei em vários momentos e sai da sala de cinema com uma sensação de que a mensagem presente na história foi transmitida com sucesso. A minha conclusão do filme quando os créditos começaram a subir é exatamente essa: extraordinário é simples.
Não há nenhuma superprodução com efeitos especiais, pelo contrário é simples e é isto que o torna tão lindo e especial. É familiar. É possível perceber muitos aspectos do nosso próprio cotidiano dentro do filme. Eu não saí dele querendo dizer que esperava mais. Eu sai com a sensação de que era igualmente aquilo de que esperava ver no filme.
Eu me emocionei em momentos em que os atores sofriam e se mostravam fortes diante das situações difíceis que precisavam lidar. Senti a dor de Auguie quando ele se percebia sozinho por ser diferente. Senti a dor de sua irmã Via quando ela também se mostrou sozinha. Lembrei muito de como minha timidez na infância a adolescência me afetaram um dia. Alegrei-me quando todos os personagens conquistaram aquilo que buscavam. Isso tudo porque o enredo mostra o cotidiano que todos nós estamos sujeitos a passar. Podemos até não ter a mesma doença que Auguie, mas todos nós temos aquilo no qual nos dói e precisa aprender a lutar.
Extraordinário é lidar com os medos internos. É enfrentar os monstros que nos assombram. Sair por cima de situações que nos machucam. Extraordinário é conviver com algo que dói e ser capaz de superar cada desafio diariamente. Extraordinário é o simples da vida cotidiana: o apoio de alguém que nos ama, nos protege e nos mostra que está lá quando precisarmos.
Olhar para o outro e lembrar que o mundo não gira só em torno de você. O outro também dói. Esquecer a sua dor para cuidar do outro, também é curar a ferida que te assola. O outro também precisa ter a chance de ser reconhecido por aquilo que é por dentro. Extraordinário é ver aquilo que ninguém vê e estar pronto para lidar com o desconhecido.
Recomendo o filme. Mas acima de tudo recomendo a reflexão e se permitir descobrir que o simples da vida é que a torna singular para cada um.
Extraordinário é simples Extraordinário é simples Reviewed by Dani Villela on 16:10 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.