Tecnologia do Blogger.

A reportagem que me emocionou

by - 12:00

Imagem: Google
Você está andando na rua, com toda sua pressa de chegar em algum lugar, seja importante ou não. Talvez esteja atrasado (a) ou apenas acostumou-se com a correria do dia a dia e parou - a muito tempo - de observar o que o cerca. Hoje foi diferente: mesmo tendo passado despercebido aos seus olhos, um garoto todo sujo, com olhar cansado e talvez triste chegou perto de você e fez um simples pedido:
 - Você pode me dar um livro?
Achando que ele pediria qualquer coisa, dinheiro, esmola ou até mesmo te roubar, você o ignora. Mas espera aí, o que ele pediu?
 - Um livro, moço (a). - e então você sente como se aquilo fosse um soco no estomago. 

Qual seria sua reação ao se deparar com essa situação? Talvez, seja porque eu amo livros e desejo que as pessoas saboreiem a sensação de conhecer uma história. Ou porque a situação em si mostra a injustiça quanto a desigualdade que não permite à todos as mesmas oportunidades. Ou até mesmo pela surpresa de ver um garoto de rua pedindo algo diferente do que estamos habituados, deixaria de lado qualquer compromisso que fosse e compraria um livro para o menino. Não sei a sua atitude, mas essa seria a minha.

Essa história foi retratada num quadro do Fantástico, exibido na Globo. O Vai Fazer O Que? trás histórias do cotidiano - interpretadas por alguns atores -  para saber a reação das pessoas. O episódio do garoto pedindo um livro foi ao ar no domingo dia 14/09. O cenário foi baseado na crônica Fábula Urbana do autor José Resende e me emocionou muito.

No final tive aquela sensação que as pessoas não desistiram e que ainda resta humanidade nelas, ou pelo menos em parte delas. Vale a pena ver viu? Garanto que vai fazer você pensar um tiquinho mais quanto algumas questões da vida. 

You May Also Like

11 comentários

  1. Nossa eu vi essa reportagem, no dia e fiquei muito surpresa. Eu achava que o menino pediria dinheiro ou comida, mas não ele pediu um livro, e quando eu vi ele pedindo um livro, eu tão, tão legal porque não é normal meninos de rua pedirem livro. Nossa foi muito bom ver essa reportagem, e o melhor ainda foi ver à reação das pessoas, quando o meninos às abordavam, umas nem ligavam e outras iam com o maior prazer. Foi um prazer ter visto isso, e ver que às pessoas ainda tem consideração pelas outras, e foi bom também ver, que um livro faz toda à diferença e pode sim mudar vida, porque ler um livro, pelo menos para mim trás vida. Ame o Post Dani e à estória super inspiradora, emocionante e esperançosa. Parabéns minha flor. Sucesso.

    blog-quemsoueu.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. É chocante, ver um ser tão interessado em aprender, nas ruas; enquanto que a maioria das crianças que podem, não se interessam da mesma forma.

    ResponderExcluir
  3. Cara Dani muito interessante! Não cheguei a ver na tv, se fosse comigo ia ficar pasma e iria dar um jeito de dar algum livro pra ele. Afinal é muito difícil ver uma criança com tanta vontade de aprender principalmente se tratando de um menino de rua ... e ler liberta a mente
    beijos
    http://cultecute.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Quando assisti a reportagem fiquei pensando: Ele só quer um livro, mas tem direito a casa, a uma família, alguém que o acolha, porém, escolheu pedir um livro que o distraí-se do que estava acontecendo no seu cotidiano, a necessidade de querer aprender. Eu olho para as pessoas nas ruas e as tratados como marginais. É literalmente isto o que fazemos! Lançamos olhares desprezo, nos achamos acoados por estarem daquela forma e incomodados, quando na verdade causamos isto neles, o desprezo de si mesmo, o acoamos por estarem daquela forma, mas nunca oferecemos ajuda, nunca queremos entender o porque pararam daquela forma. É triste, é choque, é um ser humano ...

    Hey You My Friend

    ResponderExcluir
  5. Ainda não havia tomado conta dessa reportagem mas irei conferir quando estiver em casa. Sim, ainda há pessoas boas no mundo, ainda existe gente que salva o nosso país em meio ao caos.
    Se fosse comigo eu iria comprar fiado em alguma livraria aqui perto ou traria alguns dos meus que tenho em casa e daria pra ele no dia seguinte *-*
    Valeu a pena esperar

    ResponderExcluir
  6. Meu deus que coisa emocionante..sem palavras com isso tudo! =/

    www.fashionworldbykaren.com
    Instagram: www.instagram.com/fashionworldbykaren
    Facebook: www.facebook.com/fandbworld

    ResponderExcluir
  7. Puxa que lindo, não vi no dia e na verdade eu sou tão fraca para isso que nem vejo, me toca muito fácil sabe. Linda a história, bem bolada mesmo! Amei!

    Beijos, Carol do Aquela Princesa

    ResponderExcluir
  8. Que coisa linda! Não tinha visto essa reportagem, mas vi agora e chorei horrores aqui.
    Realmente nos dá um pouquinho de fé na humanidade. Muito lindo ver as pessoas indo lá, lendo pra ele, aaah lindo demais :D

    Beijos
    Colecionando Primaveras
    Fanpage

    ResponderExcluir
  9. Nossa, bato palmas para essa reportagem, realmente é muito emocionante e mostrar como muitas pessoas "inventam desculpazinhas" mas também mostrou que ainda tem pessoas boas no mundo, com certeza se alguém me pedisse um livro e eu tivesse o dinheiro, na hora eu compraria, alimentar alguém de cultura não tem preço, muito show mesmo essa reportagem.

    Beijoss
    www.conversandocomalua.com

    ResponderExcluir
  10. Emocionante mesmo ♥ http://estrelaar.blogspot.com.br/ Bom Final de Semana Beijos ♥

    ResponderExcluir